quinta-feira, 27 de agosto de 2020

REGIÃO SUL DO BRASIL

 


A Região Sul é uma das cinco regiões brasileiras, juntamente com o Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste.

A Região é formada por três estados.

·         Paraná: sua capital é Curitiba.

·         Santa Catarina: sua capital é Florianópolis.

·         Rio Grande do Sul: sua capital é Porto Alegre.

A Região Sul é a menor região em extensão territorial no Brasil (576.774 km²).

É a que tem o menor número de estados do Brasil.

Possui dois biomas principais que são a Mata Atlântica e os Campos.

O relevo da Região Sul conta com Planaltos, Planícies e Depressões.

O Sul possui uma cultura bastante diversificada, com festividades típicas da cultura alemã, italiana, polonesa, dos açorianos, japoneses e outros povos que ocupam o território

Com clima Subtropical é caracterizado por temperaturas mais amenas do que no restante do território brasileiro. As temperaturas médias anuais ficam entre os 15ºC e 20ºC, com exceção do extremo Sul, onde as médias anuais são inferiores aos 15ºC podendo chegar abaixo de 0ºC no Inverno.

 Os principais pontos turísticos de destaque no Paraná são as Cataratas do Iguaçu, a Usina Hidrelétrica de Itaipu, o passeio de trem em Morretes e a agitada Curitiba com seus lindos parques.

Em Santa Catarina encontramos o maior parque de diversão da América Latina, Beto Carrero World, as famosas praias e as serras com o frio mais gelado do Brasil.

No Rio Grande do Sul os principais pontos de visitação é a Serra Gaúcha, o tradicional evento Natal Luz de Gramado e seus parques, os Cânios,a cidade de Canela, São Miguel das Missões, as famosas vinícolas e o famoso passeio de trem entre outros.

Cultura do Sul é muito conhecida através:

Comidas típicas

São algumas das comidas típicas mais conhecidas da Região Sul do Brasil: churrasco; arroz carreteiro; barreado; polenta; sagu de vinho com creme branco; ambrosia; cuca alemã; eisbein (prato da cultura alemã); chucrute. São comuns os pratos feitos com pinhão, bem como os cafés coloniais.

Danças

São danças comuns da Região Sul: vaneirão; chula; pezinho; milonga; chimarrita; pau-de-fitas; fandango; chote; bugio; marcha; polca; chamamé; rancheira; boi de mamão; dança do vilão; balainha; dentre outras.

Folclore

A cultura do Sul do Brasil foi influenciada pelos europeus que chegaram ao território, sendo que com o tempo novos crenças e lendas se somaram. Algumas das mais comuns são o Saci, Boitatá, Negrinho do Pastoreio e Curupira, personagens típicos da cultura brasileira.

quarta-feira, 10 de junho de 2020

Protocolos de prevenção obrigatórios



Protocolos de prevenção obrigatórios

  1. Uso de máscara: tanto na rua, quanto em ambientes fechados, em todo o RS. É obrigatório ainda exigir de clientes ou usuários o uso de máscaras ao acessarem e enquanto permanecerem em ambientes como estabelecimentos comerciais. Mesmo com máscara, deve-se manter a etiqueta respiratória.
  2. Distanciamento entre pessoas: deve ser de no mínimo dois metros (para locais que não usam EPI) ou um metro (com EPI). É indicado priorizar o teletrabalho. Se não for possível, deve-se adotar escalas, revezamento ou flexibilização de horários, além de reorganizar os espaços e marcar a posição de cada trabalhador no chão (quando o trabalho for em pé), entre outras medidas.
  3. Teto de ocupação: é o número máximo de pessoas no mesmo espaço incluindo clientes, trabalhadores e usuários. Deve ser de no mínimo quatro metros quadrados por pessoa (em locais sem uso de EPI) ou dois metros (com EPI). Uma área de 32 metros quadrados, por exemplo, pode ter no máximo oito pessoas (sem EPI) ou 16 (com EPI). É preciso afixar cartaz com o número em locais de fácil visualização.
  4. Higienização: deve-se higienizar superfícies de toque, como corrimão, maçaneta, interruptor, botão de elevador, telefone, alça de carrinhos ou cestinhas de supermercado, no mínimo a cada duas horas. A cada uso, é preciso higienizar as máquinas de pagamento de cartão. Deve-se exigir que clientes higienizem as mãos ao entrar e sair do estabelecimento. Há outras medidas previstas nesse item.
  5. EPI: o empregador deve fornecer e orientar o trabalhador sobre a forma correta de uso. Uniformes ou EPIs (capacete, calçado de segurança, entre outros) não podem ser reutilizados sem a higienização. Mesmo que a atividade não estabeleça uso de EPI, o empregador deve disponibilizar máscaras descartáveis ou no mínimo duas (que possam ser reutilizadas) para cada trabalhador, que ficará responsável pela utilização, troca e higienização.
  6. Proteção aos grupos de risco: os trabalhadores nessa condição podem solicitar a permanência em casa, em teletrabalho, se for possível. Se não for, deve exercer a atividade em ambiente com menor exposição de risco de contaminação. Se o funcionário residir com alguém do grupo de risco, fica a critério do empregador permitir o teletrabalho.
  7. Afastamento de casos suspeitos: deve-se garantir o imediato afastamento para isolamento domiciliar de 14 dias aos colaboradores que testarem positivos para covid-19, que tenham tido contato ou residam com caso confirmado ou apresentarem sintomas de síndrome gripal, como febre, acompanhada de tosse, dor de garganta, coriza ou dificuldade respiratória.
  8. Cuidados no atendimento ao público: deve-se disponibilizar álcool gel, respeitar distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas nas filas, ampliar espaço entre atendimento agendados, entre outras medidas. Para pessoas com idade igual ou superior a 60 anos e grupos de risco, deve-se estabelecer horários ou setores exclusivos de atendimento, garantindo fluxo ágil.
  9. Restrições específicas: transporte fretado, comércio de rua, consultas eletivas, indústria e instituições de longa permanência de idosos devem respeitar ainda as portarias específicas da Secretaria Estadual de Saúde, que podem ser acessadas aqui.

Protocolos de prevenção recomendados, mas não obrigatórios

  1. Informativo visível: com orientações sobre a necessidade de higienização das mãos, uso de máscara, distanciamento entre as pessoas, limpeza de superfícies, ventilação e limpeza dos ambientes.
  2. Medição de temperatura: medir a temperatura dos trabalhadores com termômetro digital infravermelho ou com termômetro individual (para evitar contaminação).
  3. Testagem: aplicar testagem rápida ou sorológica em trabalhadores que mantiverem rotina de trabalho presencial, frequentando ambientes compartilhados.


Informação Urgente



PRÓXIMOS ROTEIROS, PRESERVAR A SAÚDE E A VIDA

NO MOMENTO DE PANDEMIA MUNDIAL

ESTAMOS PRESERVANDO NOSSOS AMIGOS E CLIENTES.


Certos que passará, mantemos os cuidados para estarmos reunidos novamente.

Na circunstância estamos distantes, mas nas redes sociais relembramos o que este país tropical possui e os lindas épocas em que estivemos juntos.

Todos contra o COVID-19.

terça-feira, 12 de maio de 2020

Por que visitar a Serra Gaúcha?




A Serra Gaúcha é localizada na região nordeste do estado do Rio Grande do Sul, distante 120 km  da capital Porto Alegre. Em percurso rodoviário o trajeto dura 3h.


Os  96 munícios que fazem parte são: ALTO FELIZ, ANDRÉ DA ROCHA, ANTA GORDA, ANTÔNIO PRADO,ARROIO DO MEIO, BARÃO, BENTO GONÇALVES, BOA VISTA DO SUL, BOM JESUS, BOM PRINCÍPIO, BROCHIER, CAMARGO, CAMPESTRE DA SERRA, CANELA, CAPITÃO, CARLOS BARBOSA, CASCA, CAXIAS DO SUL, CIRÍACO, COLINAS, CORONEL PILAR, COTIPORÃ, CRUZEIRO DO SUL, DAVID CANABARRO, DOIS LAJEADOS, DOUTOR RICARDO, ENCANTADO, ESTRELA, FAGUNDES VARELA, FARROUPILHA, FELIZ, FLORES DA CUNHA, GARIBALDI, GRAMADO, GUABIJU, GUAPORÉ, IMIGRANTE, IPÊ, LAGOA VERMELHA, LAJEADO, LINHA NOVA, MARATÁ, MONTAURI, MONTE ALEGRE DOS CAMPOS, MONTE BELO DO SUL, MORRO REUTER, MUÇUM, MUITOS CAPÕES, MULITERNO, NOVA ALVORADA, NOVA ARAÇÁ, NOVA BASSANO, NOVA BRÉSCIA, NOVA PÁDUA, NOVA PETRÓPOLIS, NOVA PRATA, NOVA ROMA DO SUL, PARAÍ, PICADA CAFÉ, PINTO BANDEIRA, POÇO DAS ANTAS, PRESIDENTE LUCENA, PROTÁSIO ALVES, RELVADO, ROCA SALES, SALVADOR DO SUL, SANTA MARIA DO HERVAL, SANTA TEREZA, SANTO ANTÔNIO DO PALMA, SÃO DOMINGOS DO SUL, SÃO FRANCISCO DE PAULA, SÃO JORGE, SÃO JOSÉ DO HORTÊNCIO, SÃO JOSÉ DO SUL, SÃO MARCOS, SÃO PEDRO DA SERRA, SÃO VALENTIM DO SUL, SÃO VENDELINO, SERAFINA CORRÊA, TEUTÔNIA, TRÊS COROAS, TUPANDI, UNIÃO DA SERRA, VACARIA, VALE REAL, VANINI, VERANÓPOLIS, VESPASIANO CORREA, VILA FLORES, VILA MARIA, VISTA ALEGRE DO PRATA, WESTFALIA.



Com colonização predominante Italiana, as colonizações Alemãs e Polonesas são as que mais diferenciam. Com sua características marcantes, cada cidade possui um charme agregando um valor turístico. A cultura, a gastronomia, os atrativos naturais, a arquitetura, e o aconchego das hospedagens, atraem milhares de visitantes para a região.
Com grande número de eventos diferencia a região do país. Empreendimentos diversificados, produtos de origem e alta qualidade, conquista cada vez mais clientes e visitantes.
O relevo local podendo chegar a 800m acima do nível do mar, propicia as 4 estações bem definidas, tornando o ambiente propício para o lazer em cada momento a ser visitado.

A região possui na paisagem um de seus mais belos patrimônios. São morros, colinas, vales e rios que se constituem em um ambiente com inúmeras opções, atividades e possibilidades de visitação.


A mata com predominância da Floresta Amazônica e sinuosos rios, apresentam lindas trilhas e cachoeiras para os amantes do ecoturismo e aventura. Com a exploração de águas termais, parques harmonizam o relaxamento e o bem estar em conjunto com o meio ambiente.

O cultivo da videira está presente em 16 municípios. Em cada estação, o visitante se surpreenderá com a paisagem que  apresenta  tons e cores que merecem ser apreciados.
Uma das experiências oferecidas é acompanhar a elaboração dos vinhos e degustar o resultado desta elaboração nas cantinas. São 83 opções, das pequenas vinícolas familiares às empresas tradicionais da Região.

São inúmeros os motivos que fazem você ser nosso convidado para visitar os roteiros e atrativos, dentre esses o turista encontrará:
- Nossa Cultura no Meio Rural – que apresenta os Roteiros Caminhos da Imigração, Caminhos de Pedra, Caminhos de Faria Lemos, Caminhos do Salto Ventoso, Vale do Rio das Antas, Do passado ao futuro(novo roteiro de Carlos Barbosa), Caminhos da Colônia, Estrada do Imigrante e Estrada do Sabor e o mais recente Desvio Blauth, entre Farroupilha e Garibaldi.



- Vinhos: a Alma da Região, Vale dos Vinhedos, Rota das Cantinas, Rota dos Espumantes, Vinhos de Pinto Bandeira, Vale Trentino, Vinhos e Longevidade, Vinhos dos Altos Montes e os Vinhos e Espumantes de Monte Belo do Sul. Os vinhos de Casca, representados pela vinícola Don Abel, Vinhos e espumantes de Guaporé, nas vinícolas Ghellen e Giaretta, dentre muitos novos espaços para o enoturismo em outras cidades.

- O Pólo de Aventura Rio das Antas: Rafting, Rapel, Tirolesa, Eco Parque, Treking, Canionismo, Paraglider, Escalada, Passeio de Jeep e Pêndulo , passeios a cavalo.






- Mãos que fazem a Diferença - produção cultural e arte- entre no site e veja os locais de comercialização do artesanato cada vez mais qualificado. A elaboração de produtos artesanais, das ínumeras agroindústrias que se encontram no meio rural que são verdadeiras delicatessens.

- Conhecendo nossas Cidades - através de city tour aos centros urbanos de nosas cidades.

- Indo as Compras: Jóias, Semi- Jóias , langeris e roupas esportivas, Centro de Compras.
As atrações encontram-se em microrregiões com características que lhe atribuem os diferenciais como a Rota dos Trigais, Compras e cultura, Thermas e Longevidade, Vinhedos e Vales da Serra.

Com uma infraestrutura turística muito qualificada , encontra-se em processo de inovação constante o que resulta na hospitalidade e nos processo de certificação do Bem Receber e da Economia da experiência.

Possui serviço de Receptivo através da Agência de Turismo, concierges de Hotéis e Pousadas, além dos Centros de Atendimentos ao turista.

É uma região que mantém parcerias em suas ações de implementação do Turismo, com toda a Serra Gaúcha, Ministério do Turismo, Embratur, Setur, Sebrae, Senar, Emater, Instituições de Ensino Superior ( UCS, FISUL, Faculdade Cenecista, IFRS,Ibravin, dentre muitas) e com Entidades de Ciência e Tecnologia, Convênios Nacionais e Internacionais, constituindo-se como aporte e geração de conhecimento , inovação e tecnologia aos empreendedores visando implementar a oferta turística. Parceiro constante , o Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares que atua com uma infraestrutura de mais de 6000 leitos, agregando o conforto aos  sabores da terra . 

Venha visitar conosco, pois teremos todo o cuidado e carinho para proporcionar-lhe uma bela  experiência.



quarta-feira, 15 de abril de 2020

Significado


O Slow Tour Brasil apresenta seu serviço especializado e diferenciado. Observado desde 2001 ao iniciar os atendimentos com pequenos grupos. Com seu desenvolvimento no ano de 2016, cria trabalhos com visão na comunidade local com experiências diferenciadas tornando não ser igual. A cada tempo molda conceitos modernos com qualidade para melhor atendimento.
Slow Tour Brasil desenvolve através de um novo conceito de serviço ao turista. A nomenclatura pré existente em outros produtos torna a marca um diferencial.



Os significados:



Slow é uma palavra da língua  inglesa que significa lento ou devagar.


Tour provém do francês, é usado com referência turístico, um tour é um itinerário que contempla visitas a diferentes lugares. É habitual que o viajante contrate um tour numa agência de viagens, que se encarrega de organizar a estadia, o alojamento, etc.
O nome Brasil, provém do país estabelecido, e origem da árvore Pau Brasil.


 A marca Slow TourBrasil no turismo significa um tour com viagens mais calmas, enriquecedoras e relaxantes.
Hoje a empresa tem sede na Serra Gaúcha na cidade de Cotiporã, Rio Grande do Sul.


Participamos do Roteiro Termas e Longevidade e também do Projeto Tour da Experiência Região Uva e Vinho. E nosso site, pode conhecer um pouco mais de nosso trabalho.






Agora que você conheceu um pouco mais da nomenclatura,

que tal  se tornar um viajante SLOW?









*




Agradecemos a empresa Nairuz por ceder foto em nosso blog, conheça mais no

Quem somos



Olá visitante, seja bem vindo!
****
Nós somos a SLOW TOUR BRASIL.
 Agência de Viagens com roteiros personalizados.
*
Elaboramos passeios exclusivos, com aproveitamento do que há de melhor na região. A você amigo que queira descansar e ao mesmo tempo visitar atrativos únicos de
 muita beleza natural e cultural.
De brinde, leve a paz, a harmonia de uma viagem feliz com quem entende de turismo.
*
Converse conosco em nossas redes sociais.
Gratidão!

Postagem Recente

REGIÃO SUL DO BRASIL

  A Região Sul é uma das cinco regiões brasileiras, juntamente com o Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste. A Região é formada por três ...

Postagem mais visitada